Insônia

Nada como uma insônia básica para eu vir aqui postar a estas horas! Pois bem, vamos ao que interessa, o posto hoje vai ser musical, até porque eu só falo em livros, mas também não vivo sem música. Hoje minha mãe estava cansada, ela tem problema cardíaco por isso cansa, e aí eu coloquei o MTV Acústico de Roberto Carlos, ela é alucinada por ele e eu gosto por tabela, eu literlamente cresci ouvindo Roberto Carlos e vamos combinar que as músicas antigas dele são maravilhosas.

Depois ela decidiu tirar um cochilo e eu me empolguei e fui rever o MTV Unplugged do Maná, e depois do Diego Torres e depois um dvd do Juanes, e aí sempre vem o questionamento por que raios aqui não se toca música latina? Por que o Brasil sendo cercado de países que hablan é tão indiferente aos cantores latinos com raras exceções? Em inglês toca-se tudo, mas em espanhol só se decidirem colocar a música como trilha de novela da Globo.

Eu não me conformo, sei que fui a um show do Maná lá em São Paulo, mas sei também que meus amigos lá de São Paulo nunca tinham ouvido falar em Maná, eu sou uma das raras exceções que tenho esta paixão por música latina, mas enfim ao menos eu tenho como conseguir ouvir!

Deixo vocês com uma música de Roberto Carlos que diz tudo: "a distância não vai impedir, meu amor de te encontrar", é linda ou não é? Uma das minhas músicas preferidas dele.

Beijos e ótimo domingo.

Comentários

Camille disse…
Insonia com Roberto Carlos? Vou ter pesadelo,hehehehe. Brincadeira!!!
Bjos
Nanda disse…
Eu nunca fui fã de Roberto Carlos; mas depois de um tempo, passei a respeitar - realmente, ele e Erasmo têm algumas músicas lindas. Sobre música latina, eu amo - descobri que tem até algumas músicas chamadas Fernanda - em espanhol...rs
Zany Vasconcelos disse…
Jan, em 1979 escutava diariamente as músicas antigas do Roberto Carlos. No começo eu até gostava, mas depois acabei enjoando. Eu trabalhava na Caesa - Companhia de Água e numa casa vizinha à empresa, alguém colocava pra tocar o dia inteiro as músicas do Roberto, num volume acima do normal que acabou estragando o prazer de ouvir uma boa música.
Passei muito tempo sem conseguir apreciar as músicas do Roberto, porém agora já curto novamente, quando o meu pai ouve junto com seus amigos-fregueses. Ah, quanto a insônia empatei com você. Tirei um cochilo às 18 horas, quando acordei já eram 22 horas. E agora o sono foi para às cucuias. Bjs amiga e uma boa semana pra você e para os seus.

Postagens mais visitadas deste blog

Está chegando...

Padroeira do Recife

Virtual ou Real?