6 de fevereiro de 2014

Uma nova odisseia, dessa vez com o Banco Itaú

Eu tenho uma relação de ódio e ódio, nada de amor neste caso, com os bancos em geral e alguns em particular. Apesar de já ter tido uma odisseia com a Caixa Econômica Federal, que você pode ler aqui, eu gosto da Caixa. Há mais de 10 anos eu tinha um Unicard, e quando houve a fusão com o Itaú eu detestei, mas como faz muito tempo que tenho esse cartão sigo com ele.
Minha mãe todos sabem, usa marca-passo e sofre insuficiência cardíaca, para complicar um pouco meu irmão teve um avc e fica complicado para ela sair de casa, mas eu não vim aqui chorar as pitangas, vim falar mal do Itaú. Ontem, por motivos óbvios, fui retirar o dinheiro dela e por problemas no caixa eletrônico da agência 364, ficou um saldo. Qual não foi minha surpresa quando hoje pela manhã vi que a conta dela estava zerada. O Itaú? Ah me fizeram escrever uma carta explicando o que tinha acontecido, tiraram um extrato, disseram que resolveriam, quando de repente não mais que de repente disseram que não, que só minha mãe comparecendo a esta famigerada agência que fica ao lado do meu trabalho... Qual a parte do ela não está podendo sair de casa que eles não entenderam? Então por completa falta de boa vontade e burocracia desnecessária ela vai sair prejudicada?
I don't think so!
Vamos ao Banco Central!

5 de fevereiro de 2014

Lovely things, parte II

E lá vamos a mais uma sessão coisinhas fofonildas:






Como as fotos são autoexplicativas não vou falar muito, até porque vocês já sacaram que sou fã dos minions, né?

Bisous

B de Barcelona

Ramblas Só estive em Barcelona uma vez na vida, e foi justamento em 2002, no ano Gaudí! Ou seja, melhor impossível. Só lamento porque na...