Viajando na viagem!




Ou coisas que só acontecem comigo...
Cena 1: metrô de Paris...eu arrastando uma mala de 300 toneladas, tudo bem podia ser 299, escadaria acima, xingando a 29º geração das malas, das escadas, do metrô...enfim... e pensando se as coisas que tinham lá na mala me fariam muita falta quando eu a jogasse no rio Sena...ou será que eu seria presa por poluição? Continuei meio chutando meio empurrando a mala, quando não sei de onde me surge um francês pega a mala e sai...eu saí correndo atrás dele pensando digo merci? e se ele for um ladrão? decidi dizer merci o que foi muito bom, ele realmente só fez carregar aquela mala f%$*#$ para mim! Très gentil!! (Foto1: 2 malas para 3 malas, no metrô de Paris...as malas sem alça, Cris, eu e Shi)
Cena 2: eu e Crisa andando saltitantes e serelepes pelo centro de Roma, um carabiniere mais que lindo nos para e se oferece para tirar nossas fotos (a câmera nem digital era), eu claro paro na hora e praticamente confesso algum crime só para o tipo me prender, ele nos convida para um café, e tudo vai muito bem, quando eu vou guardar a câmera na bolsa e a autoridade policial se saí com a seguinte pérola:

-Guarda la tua "bolseta" (com duplo sentido por favor)

E eu com cara de paisagem respondo ao carabiniere:
-... está bem guardada....
(Foto 2: Piazza Venezia)


Cena 3: eu (claro, como não seria) chegando da pequena viagem que fiz ao Nuorte de Portugal, para o jantar que me foi oferecido em Famalicão! O recepcionista abrindo a porta para mim:

-Mas a senhora sumiu desde ontem! (oi? ele fica anotando a hora que eu entro e saio?)

- Eu fui ao norte, olha o galinho de Barcelos lindo que eu ganhei!

- Muito lindo mesmo. É grande, pá! Quero ver a senhora levar para o Brasil...


Subo guardo o galinho, e quando vou sair está chovendo. O mesmo recepcionista:

- A senhora gostava de um chapeuzinho?!

eu pensando com os meus botões, mas com este raio de chva de que vai me servir um chapeuzinho, mas ele está sendo tão gentil...

-quero sim, por favor (toda sorrisos)

Lá me vem o homem com uma sombrinha...
(Foto 3: eu com meu galinho Famalicão, Marlene minha amiga querida de costas e Susana Borges)


p.s. Realmente trazer o galinho quase me fez ficar careca, o avião parecia uma batedeira e eu só pensava e se está porra não parar de sacolejar e o meu galinho quebrar...enquanto isso todo mundo assustado com a batedeira na qual o voo da TAP havia se transformado...

Comentários

ludelistri disse…
hehehehehe
que onda Jan, essas escadas de Paris são f..... mesmo (sorry!). Ah, como eu xingo! :P
Um cheiro minha linda,
Lu
ahahahahahah fiquei imaginando tu correndo atrás da criatura que estava sendo gentil contigo por causa da mala... Trauma de Brasil!
Beijos
Zany Vasconcelos disse…
Jan, já disse mais de uma vez e volto a repetir que suas hilárias histórias podem e devem compor um livro. Pense nisso!
Ailoviutu Lindona!Bjs!!
Vivi disse…
Paris, BCN, Madrid tem tanta escada no metrô que "pelamaedoguarda".
O bom de viajar são essas histórias que só acontece com quem se aventura e dar a cara pra bater :)
Vivien Morgato : disse…
Parece que to te vendo contar....rs
Rosa Barros disse…
Hahaha!! Adorei! Sem comentários... muito bom, ri muito aqui!
Beijos!!

Postagens mais visitadas deste blog

Está chegando...

Virtual ou Real?

Padroeira do Recife