Amor!

Amor, Amour, Love, Liebe, Agápe

Sempre ele, sempre o amor, e como ontem à noite eu ainda de quebra assisti ao especial do RC (sim eu assisto todos os anos junto com a excelentíssima senhora minha mãe que mata e morre por ele), o tema hoje, não bastasse minha blusa (esse foi o presente de aniversário antecipado, o presente, não o aniversário, deu para entender???), tinha que ser esse sentimento lindo, lindo, lindo, que move o mundo.

E gente meu aniversário ainda será essa semana, dia 21, último dia do signo de sagitário, e primeiro dia do verão no hemisfério sul!

Beijão para todos e amem muito.

Soneto do Amor Total

Amo-te tanto, meu amor... não cante,
O humano coração com mais verdade...
Amo-te como amigo e como amante,
Numa sempre diversa realidade.
Amo-te afim, de um calmo amor prestante,
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade,
Dentro da eternidade e a cada instante.
Amo-te como um bicho, simplesmente,
De um amor sem mistério e sem virtude,
Com um desejo maciço e permanente.
E de te amar assim, muito e amiúde,
É que um dia em teu corpo de repente,
Hei de morrer de amar mais do que pude.
Vinícius de Moraes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Padroeira do Recife

A Maracujina e o Penta

Bookaholic