Polêmica

Polêmica

Quero avisar aos navegantes que este será o primeiro e último post sobre a polêmica que aconteceu por aqui em Recife envolvendo o arcebispo de Olinda e Recife e um caso de aborto.

Todo mundo sabe que eu sou católica de carteirinha, mas todo mundo sabe também que não sou reacionária, hipócrita e alienada. Logo dei, e continuo dando meu total apoio ao aborto feito na CRIANÇA de 9 anos, que desde os 6 anos de idade era abusada sexualmente pelo padastro. Se eu fosse a mãe dela apoiaria o aborto, se eu não fosse nada dela também (como é o caso) e se eu tivesse a idade que tenho hoje e fosse estuprada também faria o aborto. Porque eu acho que ninguém é obrigado a sofrer um abuso desta magnitude e aceitar as consequências.

Não sou a favor do aborto, com algumas exceções, mas sempre respei o fato de que a mulher é quem deve escolher se leva a gravidez adiante ou não.

A Igreja Católica, na figura de D. José Cardoso Sobrinho equivocou-se grandemente ao condenar os médicos e a mãe da menina. Acho que o igreja sendo cristã deveria primeiro e antes de mais nada levar os ensinamentos de Jesus Cristo a sério. Ele fala de amor e misericórdia...em nenhum momento neste caso isto foi visto. E também a Igreja não deve esquecer que Deus nos deu uma coisa que chamamos de livre arbítrio, isso nos dá o direito a fazermos nossas próprias escolhas, mesmo que as vezes escolhamos coisas erradas, Ele em seu amor infinito está conosco nos apoiando e não nos "excomungando".

D. José nós não estamos na Idade Média, a Igreja deveria se preocupar em acabar com os padres pedófilos, eles até onde eu sei não são excomungados... em trazer de volta os fiéis e não colocá-los para correr de uma vez com atitudes como esta. Enfim a Igreja Católica tem que perceber que Deus é que está no comando e não o inverso.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Está chegando...

Virtual ou Real?

Heróis literários ou Forever 17