Meu mundo caiu...

livros e dvds sobre Che, e o que arrasa com ele
Não, eu não vou cantar a música eternizada pela grande Maysa, vou falar de Che Guevara...e agora vocês devem estar se perguntando o que tem o PI a ver com as calças, calma seus apressadinhos que já chego lá. A questão é que a vida toda conheci apanas um lado da vida de Ernesto Che Guevara, o lado do gato argentino, médico e guerrilheiro, que sempre lutou pelos oprimidos, e virou mito, no mundo inteiro.
É bem verdade que depois fui sabendo que ele, digamos era dado a cometer assassinatos, mas era pela causa, mas depois percebi que ele realmente tinha um certo prazer em matar, mas mesmo assim o Che em mim ainda era mais forte.
Até que ganhei e li o livro "História Politicamente Incorreta da América Latina", livro este que qualquer latino americano deveria sim ler e descobri, que para além de um assassino que não poupava crianças, nem ninguém, ele era homofóbico (isso para mim é imperdoável) e também um péssimo administrador, foi um dos piores Ministros das Finanças de Cuba. Não vou nem comentar que ele mandou os dirigentes da fábrica de água negra embora...sim, água negra é coca-cola, que depois que perdeu o sabor foi apelidada pelos próprios cubanos de água suja.
Enfim, vou ter que concordar com o Francisco quando ele matar o Che Guevara, o porco  que ele cria e que em breve se tronará um presento pata negra!
Mas o livro não desmitifica apenas o figura do Che, seguem-se a ele os Incas, Maias e Astecas, o grande Libertador, Símon Bólivar, Salvador Allende, e Perón, é o outro lado da História da América Latina, para os historiadores em geral, ou para os amantes da História, como eu, é um excelente leitura, que devemos ler sem preconceitos, não dói.

Comentários

Yo disse…
Falei, não foi?
Embora não fosse tãããããão apaixonada pelo Che como vc, fiquei pasma.
Aliás, fui ficando ao longo de umas e outras cositas que fui sabendo. Mas depois desse livro... ui!

Postagens mais visitadas deste blog

Padroeira do Recife

Está chegando...

Bookaholic